Não Somos Gangue!

Não somos uma gangue! Não somos um partido político! Somos um coletivo de Skinheads Antifascistas, composto por anarquistas e comunistas! Acreditamos na igualdade de todos os seres humanos, sem bandeiras, sem separatismo, sem preconceito ou qualquer barreira, seja ela de classe, cor de pele ou orientação sexual. Nossa principal atuação é no meio contracultural em que estamos, levando nossos princípios de esquerda e princípios libertários, atuamos através da propaganda antifascista, mas vamos além disso, procuramos atuar junto à classe trabalhadora, o verdadeiro pilar da sociedade, a luta do trabalhador, do pobre, do explorado, essa é a nossa luta. Defendemos a cultura Skinhead, cultura que nasce nos subúrbios ingleses, de uma juventude de imigrantes jamaicanos, negros, e da juventude inglesa trabalhadora das periferias, fabricas e portos. Cultura de união, diversão, futebol, cerveja, e luta, porém uma luta de cabeças, não de botas e facas. Dos que nos oprimem nada esperamos. Esperamos apenas de nossos irmãos de classe.



segunda-feira, 25 de junho de 2007


Não somos uma gangue. Somos um coletivo que luta pela igualdade de todos os seres humanos, sem bandeiras, sem separação preconceito ou qualquer barreira, seja ela de classe, cor de pele, opção sexual. Lutamos junto da classe trabalhadora, o verdadeiro pilar da sociedade, a luta do trabalhador, do pobre, do oprimido, essa é a nossa luta. Defendemos a cultura skinhead, cultura que nasce nos subúrbios ingleses, de uma juventude de imigrantes jamaicanos, negros, e da juventude inglesa trabalhadora das periferias, fabricas e portos. Cultura de união, diversão, futebol, cerveja, e luta, porém uma luta para um mundo melhor, uma luta de cabeças não de botas e facas. Dos que nos oprimem nada esperamos. Esperamos apenas de nossos irmãos de classe e de luta

Um comentário:

Otávio disse...

Acho que é sempre importante frizarmos o fato de não ser gangue.
E sempre mostrar que somos isso, um grupo de lutadores, destruidores de racismos, pré-conceitos e preconceitos, internacionalista... sempre que textos que falem que a rash é uma organização e não uma gangue aparecerem, termos uma visão bem diferente, e um critererio mais forte para aceita-lo... pois ele sempre ira nos ajudar e muito.
E também é fato, quebrar o maior racismo, aqueles que sofremos por sermos Skinheads!