Não Somos Gangue!

Não somos uma gangue! Não somos um partido político! Somos um coletivo de Skinheads Antifascistas, composto por anarquistas e comunistas! Acreditamos na igualdade de todos os seres humanos, sem bandeiras, sem separatismo, sem preconceito ou qualquer barreira, seja ela de classe, cor de pele ou orientação sexual. Nossa principal atuação é no meio contracultural em que estamos, levando nossos princípios de esquerda e princípios libertários, atuamos através da propaganda antifascista, mas vamos além disso, procuramos atuar junto à classe trabalhadora, o verdadeiro pilar da sociedade, a luta do trabalhador, do pobre, do explorado, essa é a nossa luta. Defendemos a cultura Skinhead, cultura que nasce nos subúrbios ingleses, de uma juventude de imigrantes jamaicanos, negros, e da juventude inglesa trabalhadora das periferias, fabricas e portos. Cultura de união, diversão, futebol, cerveja, e luta, porém uma luta de cabeças, não de botas e facas. Dos que nos oprimem nada esperamos. Esperamos apenas de nossos irmãos de classe.



terça-feira, 19 de julho de 2011

9 de Julho de 1932 não é motivo de orgulho... O orgulho paulista é ser universal!


Todos os anos no estado de São Paulo, na data de 9 de julho, é comemorada a Revolução Constitucionalista de 1932, onde os paulistas se opuseram ao governo de Getúlio Vargas. Opuseram-se porque com a entrada desse governo, o estado perdia o poder que tinha sobre o resto do país, em outras palavras, não se conformava de ter sido botado de escanteio.

Mas não queremos discutir aqui em um primeiro momento a questão histórica do fato, mas sim evidenciar o absurdo que é resgatar uma data como essa, desconstruir o mito que vem sendo criado.

Anualmente nas manhãs desse feriado, militares desfilam pelas ruas da cidade e são aplaudidos pela população. Pessoas balançam as bandeiras do estado com orgulho, sem ao menos saber o que representou a tal Revolução Constitucionalista e que estava longe de ter algum interesse para a população do estado, mas apenas para a sua elite.

Quando dizemos que a nossa preocupação está no mito que vem sendo criado em cima desta data, é pela maneira como a mesma vem sendo resgatada. O problema está em como grupelhos e quadrilhas de ultradireita estão se apropriando de um evento histórico que não passou de uma disputa entre as oligarquias da época, mitificando-o de maneira a servir aos seus interesses.

O estado de São Paulo sempre esteve conectado com o resto do país e do mundo, conexão essa que reflete na composição étnico-cultural de sua população, que é uma mistura de tudo.

Diante dessas palhaçadas o Coletivo RASH SP não podia se calar...



(Ao fim do vídeo, aparece a indicação para uma merda fascista. Não conseguimos alterar isso.)

















6 comentários:

Marcio Almeida disse...

Acion Antifa!!!

Marcio Almeida disse...

accion antifa!!!

piccol Ⓐ disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
The Rock Classers disse...

Muito bom! Graças a essa intervenção estou tendo contato com o Rash. Vou continuar acompanhando e quero tbm poder participar futuramente...

FORÇA!!!

Ricardo Rocha Aguieiras disse...

Parabéns! Fascistas e neonazistas estão sempre querendo reescrevera nossa História, fora atá "discretos" mestres da USP. Portanto , nada mais juta e legal como a ação de vocês!
Obrigado!
Com admiração de sempre,
Ricardo Aguieiras
aguieiras2002@yahoo.com.br

lp16 disse...

CUMPS!